segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

COMIDINHAS DE FINAL DE ANO

A melhor coisa do Natal, na minha opinião, é o enterro dos ossos, como diz a minha mãe. Traduzindo: aquele evento posterior à ceia, onde nós juntamos na mesa as comidinhas que sobreviveram ao dia 24 de Dezembro e mandamos ver!!



Mas o Panetone da Dinda, conhecido por não conter nem uma gotinha de conservante, acaba ficando devendo no enterro dos ossos. Sem nada que o mantenha fresco, ele acaba perdendo a maciez. É inevitável.

Com aquela cara de pão dormido que ele ganha ao fim de alguns dias, restam duas opções: congelar o fofinho para relembrar do Natal em ocasião futura ouuuuu...

Repaginar o panetone! Segue a receita de Rabanada à moda da Dinda

Rabanada de Panetone

Ingredientes

2 ovos
1/2 xícara de leite integral
1/4 xícara de açúcar
1 pitada de sal

Bata todos os ingredientes com o garfo. Corte o panetone ou chocotone em fatias. Quanto mais dormido, melhor. Deite as fatias no líquido, sem pressa. Lembre que o panetone é mais denso e demora mais do que o pão comum para absorver a mistura. Normalmente eu fritaria a rabanada em óleo quente. Essa pode ser a sua escolha. Não esqueça de polvilhar com açúcar e canela depois de escorrer o óleo.




Inspirada como sempre pela Cinara, eu tenho feito diferente. Depois de colocar as fatias na mistura, arrumo-as em um refratário e mando tudo para o forno pré-aquecido. Fica um sucesso, ainda mais com o chocotone!!! Eu já fiz com o pão de chocolate e banana, e assino em baixo.

Sucesso!!

Dinda.

2 comentários:

Sonia Novaes disse...

Rabanadas
Até hoje não encontrei nessa vida quem não gostasse de rabanada...rsss...
E tb acredito que no final do ano ninguém passa sem,não é mesmo?
Fala sério,quem resiste a uma tentação dessa?
Bjs

Roberta disse...

Ai, Sonia... Concordo muito com você.
Rabanada combina com todos os meses do Ano!!!!!
Um beijão!